CONCURSO CULTURAL

REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL – “O NOME DO TIME” – 2015

  • 1.                                 OBJETO E PRAZO:
  • 1.1.                           O Concurso Cultural “O Nome do Time” será promovido pela Agência Transmídia (PROZE Consultoria Criativa), inscrita no CNPJ sob o nº 22902083000147. e é voluntário e gratuito, de livre acesso às pessoas interessadas em participar e não está vinculado a nenhum tipo de aquisição de produtos ou serviços, nem qualquer modalidade de sorte ou álea, de acordo com o artigo 3º, inciso II, da Lei n.º 5.768/71, e com o artigo 30 do Decreto­Lei n.º 70.951/72.
  • 1.2.             O Concurso será realizado em todo o Brasil, no período compreendido entre as 08h00min do dia 27 de agosto de 2015 e as 08h00min do dia 14 de dezembro de 2015, e consistirá na premiação do melhor sugestão para o nome do grupo de heróis apresentados no Audiodrama “Khaoz Crescente” da Agência Transmídia contido nesse tópico conforme as regras abaixo.

 

  • 2.                                 DAS CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO:
  • 2.1.                   A presente promoção é aberta ao público em geral, podendo participar as pessoas Físicas, residentes em todo o território nacional, desde que maiores e capazes, nos termos da legislação civil em vigor, respeitados os termos e condições estabelecidas neste regulamento.
  • 2.2.                           É vedada a participação de funcionários, bem como de seus familiares, da Agência Transmídia, de empresas relacionadas, ou quaisquer pessoas diretamente envolvidas com esta promoção.
  • 2.3.                           A participação no presente Concurso é voluntária, gratuita e implica na aceitação total e irrestrita dos termos e condições do presente Regulamento.
  • 2.4.                           Ler e aceitar este Regulamento, por tal ato submetendo-se de forma irretratável e irrevogável a todos os respectivos termos e condições.

 

  • 3.                                 COMO PARTICIPAR:
  • 3.1.                           Entre os dias 27/08/2015 à 14/12/2015, os interessados em participar do presente concurso deverão enviar nomes para o grupo de heróis do Audiodrama “Khaoz Crescente” disponível no site da organizadora do presente concurso. As sugestões de nome deverão ser feitas exclusivamente na seção de comentários da publicação, e deverão constar do nome completo e do e-mail do candidato.
  • 3.2.                           Qualquer cadastro feito fora do período disposto no item 3.1, e fora do espaço acima descrito, estará desclassificado e não participará do presente Concurso.
  • 3.3.                           A Agência Transmídia reserva­-se o direito de desclassificar e excluir os participantes cuja conduta demonstre estar manipulando dolosamente a operação do Concurso, bem como os participantes que tentarem fraudar ou burlar as regras estabelecidas neste Regulamento.
  • 3.4.                           Os participantes poderão participar com mais de uma inscrição, porém, cada uma deverá ser feita em registro separado.
  • 3.5.                           Na hipótese de recebimento, pela organizadora, de dois ou nomes iguais, apenas será considerado, para os efeitos de participação do Concurso, o que primeiro for recebido, sendo os demais desconsiderados para efeitos de premiação.
  • 3.6.                           Não será permitida em qualquer hipótese, sendo imediatamente desclassificada, a submissão de nomes que contiver: (i) uso de quaisquer expressões ou sinais contrárias à moral e aos bons costumes; (ii) termos que ofendam a honra ou imagem de pessoas, produtos, empresas ou natureza, meio ambiente, espaços físicos e afins; (iii) sinais ou palavras que ofendam a liberdade de consciência, religião, sexo, ideia ou sentimentos das pessoas ou associações (iv) incentivo a maus costumes, violência ou drogas; (v) apologia a símbolos desportivos reconhecidos; (vi) apontamento preconceituoso, constrangedor, pornográfico ou semelhante.
  • 3.7.                           A Organizadora se reserva o direito de desclassificar as inscrições que não preencham os requisitos previstos nos itens anteriores ou em qualquer outra disposição deste Regulamento, independentemente de qualquer comunicação prévia.
  • 3.8.                           Serão escolhidos os nomes mais criativos e adequados ao tema de NOME MAIS DEMOCRÁTICO, dentre todos as inscrições que atenderem integralmente ao disposto no presente Regulamento, por uma Comissão Julgadora composta por 3 (três) funcionários da Agência Transmídia, cuja decisão é soberana e irrecorrível, sendo utilizados na decisão critérios de criatividade, originalidade e vinculação ao tema proposto.
  • 3.9.                           Não caberá qualquer reclamação acerca da decisão da Comissão Julgadora, em hipótese alguma.
  • 3.10.                             Os nomes livremente apresentados à Organizadora do Presente Concurso Cultural serão propriedade intelectual do candidato, entretanto, fica desde já expressamente livre e pactuado que todos os direitos autorais patrimoniais serão transferidos, de forma gratuita, irretratável e irrevogável à Agência Transmídia, que, por sua vez, indicará a autoria ao Candidato vencedor em todas as formas de mídia ou modo em que sejam empregados, que poderá ser, dentre outras formas, utilizar, fruir, dispor, reproduzir, distribuir, explorar economicamente ou ceder a terceiros, livre e ilimitadamente, no território nacional ou fora dele e em qualquer mídia ou modo, existente ou que venha a ser criado, independentemente de outro ajuste com o AUTOR DO NOME,  e sem que este tenha direito a qualquer remuneração ou indenização.
  • .
  • 3.11.                       Os participantes do Concurso, incluindo os vencedores, assumem total e exclusiva responsabilidade a respeito de todas e quaisquer reivindicações de terceiros no tocante às respostas submetidas ao Concurso. Todos os participantes declaram que os conteúdos enviados são originais. Em caso de plágio, a Agência Transmídia não responderá por quaisquer prejuízos sofridos por terceiros, mas desclassificará do Concurso o participante responsável pela pratica ilícita.
  • DO PRÊMIO
  • 3.12.                       O vencedor receberá como prêmio versão impressa do roteiro do Audiodrama “Khaoz Crescente”, contendo artes exclusivas ilustrando tanto os momentos da história quanto também o processo criativo da identidade visual dos personagens ao longo dos anos. Além disso, poderá participar de vindouros audiodramas com um personagem exclusivo de aparição esporádica.

 

  • 4.                                 DA SELEÇÃO DO VENCEDOR
  • 4.1.                           A seleção e escolha do melhor nome será feita por uma banca de  3 (três) colaboradores da Agência Transmídia em até 07 dias após o prazo para inscrições, e a decisão soberana e irrecorrível será então anunciada por meio de publicações no site da Agência e em seus perfis de redes sociais.

 

  • 5.                                 DA ENTREGA DA PREMIAÇÃO
  • 5.1.                           O vencedor do concurso será contatado pelo e-mail cadastrado na seção de comentários e terá até 30 (trinta) dias para responder e informar o endereço para envio do prêmio descrito no item 4.1. Após esse prazo a Agência Transmídia se reserva o direito de reter o prêmio e fazer um sorteio entre todos os concorrentes, inexistindo para o contemplado, nessa hipótese, qualquer direito a ressarcimento ou indenização.
  • 5.2.                           O prêmio é livre e desembaraçado de quaisquer ônus para o contemplado.
  • 5.3.                           O prêmio não poderá ser trocado por outros, muito menos convertido em dinheiro, consoante a previsão do parágrafo 3º do artigo 1º da Lei n.º 5.768/71.

 

  • 6.                                 DISPOSIÇÕES FINAIS
  • 6.1.                           Em momento algum poderá a Realizadora ser responsabilizada por inscrições perdidas, atrasadas, enviadas erroneamente, incompletas, incorretas, inválidas ou imprecisas.
  • 6.2.                           A Agência Transmídia não será responsável por problemas, falhas ou funcionamento técnico, de qualquer tipo, em redes de computadores, servidores ou provedores, equipamentos de computadores, hardware ou software, ou erro, interrupção, defeito, atraso ou falha em operações ou transmissões para o correto processamento de inscrições, incluindo, mas não se limitando, a transmissão imprecisa de inscrições ou falha da Realizadora em recebê-las, em razão de problemas técnicos,  congestionamento na internet ou no site ligado ao Concurso, vírus, falha de programação (bugs) ou violação por terceiros (hackers).

 

ÁUDIO DRAMA “SENTINELAS” – 3ª TEMPORADA: METAMORFOSE AMBULANTE – EPISÓDIO 11, CAPÍTULO 25 – PARTE 3

SINOPSE DO CAPÍTULO

Um herói sabotado por um bando de loucos! Não sucumbir ao inimigo pode ser bem pior! Quem consegue bater o recorde dos dez segundos? Até onde podemos confiar em pessoas mascaradas? E mais: dois recrutamentos pra lá de insólitos! Não perca a conclusão deste episódio e escute até o fim! QUACK!

DESCRIÇÃO DA VITRINE AO PÚBLICO DEFICIENTE VISUAL

Banner retangular deitado com conteúdo totalmente em preto e branco sólido. À esquerda sob fundo preto, imagem de meio corpo de uma mulher vestindo capote e bata branca na altura do peito, máscara branca de olhos grandes pretos, gola clerical no pescoço e blusa preta com uma faixa vertical branca cortada por uma horizontal, na altura do peito. À extrema direita, busto de homem magro, de cabelos brancos, curtos e franja eriçada. No rosto, uma máscara fina ovalada branca e olho grande e preto. Usa uma blusa preta com mangas e gola brancas. Do peito, dois traços diagonais partem em direção ao ombro. Ao centro, cena de ação em fundo branco mostrando quatro personagens unidos ao centro cercados por uma elipse preta de silhuetas de várias aves e um par de braços mecânicos abaixo do oval de pássaros. Os personagens, de cima para baixo, da esquerda para a direita: silhueta de ave robusta com pintas brancas e com asas erguidas lateralmente, na altura dos ombros e com os cotovelos dobrando os “antebraços” para cima. Seus olhos são brancos e um sorriso de canto de boca se destaca; segue silhueta de ave pequena com olhos branco e um símbolo no peito em forma de seta apontando para cima, tendo duas letra “E” maiúsculas nas laterais da seta. Sua asa direita está esticada para baixo junto ao corpo e a esquerda erguida para o lado, na altura do ombro; segue ave branca com olhos e bico preto, com a asa esquerda tocando a têmpora e a asa direita esticada para o lado, na altura do ombro. Diante deles, silhueta de um galo com crista eriçada, olhos e sorriso branco. Suas asas estão juntas ao corpo, com “antebraços” erguidos na altura da cintura e dos “punhos” fechados cintilam raios de energia branca. Na parte superior esquerda do banner, em letras brancas, “Sentinelas – 3ª Temporada”; abaixo, em letras pretas, “Episódio 11”; abaixo e em letras pretas, “Capítulo 25”; No canto superior direito e em letras brancas, “A Duras Penas”; abaixo, o selo preto da Agência TransMídia – que é um carimbo circular com as letras “T” e “M” maiúsculas ao centro; e no canto inferior direito, em letras pretas, “Parte 3”.

“SENTINELAS” é uma comédia de ação em forma de áudio drama que satiriza estereótipos de super-heróis num cenário totalmente brasileiro. O nome foi escolhido pelo ouvinte Alexandre Santos Costa ao fim da primeira temporada – “Khaoz Crescente” – graças ao concurso cultural “O Nome do Time”.

A história foi escrita em 2005 e passou por diversas revisões até a presente versão em áudio. O público-alvo principal deste áudio drama é o público deficiente visual, que não possui uma representatividade expressiva no cenário de entretenimento impresso, sendo a eles negligenciadas áudio descrições de histórias em quadrinhos. O autor de “Sentinelas”Vitor Hugo Mota – identificou nesta fraca demanda a oportunidade de contemplar seus amigos deficientes visuais e, ao mesmo tempo, incentivar o uso da mídia podcast para outros fins além do papo trivial e informal de amenidades. O texto foi totalmente adaptado para ficar o mais descritível possível e dar a oportunidade de imersão para TODOS os públicos audíveis. E para tornar ainda mais efetivo, os efeitos de fundo utilizados ilustram sonoramente as ações efetuadas pelos personagens e o cenário ao redor. Neste trajeto, o público infantil foi uma inesperada surpresa, sendo escutado por jovens entre 08 e 13 anos.

Por se tratar de uma história satírica, recheada de situações absurdas e nonsense, “Sentinelas” se tornou uma história sem preconceitos, pois não trata uma cidade ou indivíduos melhor do que qualquer outro semelhante. Toda a narrativa enaltece e também faz piada com diversas cidades e estereótipos por onde passa.

CRÉDITOS DE PARTICIPAÇÃO

  • Roteiro, Direção, Narração e Produção Executiva: Vitor Hugo Mota
  • Locução: Leora Heller
  • Consultoria de áudiodescrição: Alexandre Santos Costa & Ana Gouvêa

ELENCO DESTE EPISÓDIO POR ORDEM DE APARIÇÃO

Mateus Mantoan é Tori-Jin

– João Henrique Belo é o Gavião 1

– Samuel Rodrigues é o Gavião 2

Marcello Marchetti é o Gavião 3

Danton Freitas é o Gavião 4

– Marcelo Reina é o Gavião 5

– Jadson Moura é Capial Kid

– Claudio Assad é Agro Boy

– Eurico Junqueira é Emissário

Kell Bonassoli é Pacífica

– André Faccas é Urubu

Francisco Seixas é Capitão Falcão

– Caio Fernandes é Claudio Gedeão

– Vinnie Queiroga é Ananias Guinle

– Ivo Matheus é Doutor Jarbas

– Alexandre Gomes é Pinguim 1

– Randal Bergamasco é Pinguim 2

– Varlei Xavier é Pinguim 3

– Amós Caldeira é Pinguim 4

 

IMAGEM DOS HERÓIS DO EPISÓDIO

(COM DESCRIÇÃO AO PÚBLICO DEFICIENTE VISUAL)

mural-4-aves
Imagem com o desenho de quatro personagens e créditos de seus talentos vocais. À esquerda, galo é preto, de crista vermelha e patas amarelas com garras pretas. Ele está de pé, com as asas dobradas, mas erguidas na altura dos ombros. Seus olhos são grandes e pretos, seu bico é encurvado e amarelo. Abaixo, foto de Mateus Mantoan creditado como a voz do galo Tori-Jin; ao lado, um pombo é cinzento com as pontas das asas e calda na cor preta. A ave tem três chumaços de pena no topo da cabeça, bico amarelo, olhos azuis brilhantes e o símbolo característico do Emissário projetado sobre seu peito. Ele está de pé, com as pernas afastadas e asas abertas. Suas patas são rosadas de unhas pretas. Acima, foto de Eurico Junqueira creditado como a voz do pombo Emissário; ao lado, uma pomba branca de asas abertas – a esquerda esticada para cima e a direita dobrada na altura dos ombros. Sua cabeça tem penas brancas em destaque no topo e na base do crânio, seus olhos são grandes e castanhos e seu bico é rosado. Suas patas são rosadas de unhas pretas: a direita está erguida para frente e a esquerda toca o solo, esticada. Acima, foto de Kell Bonassoli creditada como a voz da pomba Pacífica; o último personagem é Capitão Falcão, que está em sua forma de ave, sendo predominantemente castanho, com peito e asas com pintas pretas. A ave apresenta um topete de penas jogadas para trás, olhos pretos, bico amarelo com a ponta preta. Ele está de pé, com a asa direita estendida para o lado e a asa esquerda apoiada na cintura. Suas pernas estão ligeiramente afastadas, sendo da cor amarela com unhas pretas. Abaixo, foto de Francisco Seixas creditado como a voz de Capitão Falcão.
mural-4-pinguins
Imagem de quatro pinguins gigantes, de pé ao lado um dos outros. O mais alto está na ponta esquerda e tem o corpo em forma de pirâmide invertida. Veste o conjunto capa e capuz amarelo do Capitão Falcão, sendo que o espaço por onde sai a boca do herói mostra o rosto completo do pinguim. O símbolo dourado de ave estilizada de asas abertas no peito prende a capa ao seu corpo, indo até o meio das costas. Na cintura, usa a sunga amarela do herói com uma fivela dourada na mesma forma do símbolo. O pinguim tem olhos semicerrados, um sorriso canastrão no bico alaranjado, face e peitoral branco, asas pretas e patas laranjas de três dedos cada. O pinguim ao seu lado é rechonchudo, com cara invocada e usa uma faixa azul sobre os olhos ranzinzas. O topo de sua cabeça é preto e com poucas penas eriçadas para trás, enquanto o bico alaranjado e carrancudo se destaca na face branca, que também é a cor do torso do personagem. Sobre o tronco ovalado, usa a parte de cima de um kimono azul, que está amarrado na cintura com uma faixa azul escura no seu limite. A asas é preta e com bandagens envolvendo a porção referente ao antebraço. É possível notar a cauda curta e preta entre as pernas laranjas de três dedos. Ao seu lado, um pinguim esguio e um pouco mais baixo. Ele está de asas cruzadas e com a cabeça inclinada levemente para a direita dele, olhando o pinguim rechonchudo. Sua cabeça é totalmente preta, com três penas amarelas eriçadas sobre cada olho, como se fossem sobrancelhas. Seus olhos pretos semicerrados são adornados com uma máscara azul simples, em formato de número oito deitado, e seu bico recurvado é alaranjado. Veste um moleton azul de mangas e gola cinzas. O torso branco segue até o começo das patas abertas do pinguim, que são laranjas, têm três dedos cada e podemos notar a curta cauda preta entre elas. E o último pinguim está na extrema direita, é esbelto, de peito branco estufado e asas pretas apoiadas como mãos na cintura. D cima para baixo, veste um capote branco com bainha cinza, ocultando seu rosto e permitindo visualizar apenas seus olhos pretos semicerrados e um longo bico laranja. No pescoço, um colarinho de padre e uma bata branca de bainha cinza que se finda na altura dos ombros. Na cintura, usa uma pochete cinza com um símbolo metálico em forma de pomba estilizada. Suas patas são laranjas e possuem três dedos cada.
mural-capial-kid-e-agro-boy
Imagem com o desenho de dois personagens e créditos de seus talentos vocais. A dupla de personagens é composta por dois indivíduos magros um ao lado do outro, com o indivíduo da esquerda apoiando seu braço esquerdo no ombro direito do homem ao lado, que está de braços cruzados. O homem da esquerda tem a pele parda, olhos cor de mel, nariz batatudo, barba modelada marrom e mullets na mesma cor da barba. O personagem da esquerda tem a pele branca, nariz curto, olhos grandes e verdes, cavanhaque longo e pontudo, de bigodes eriçados, além de ter cabelos loiros desgrenhados até o fim do pescoço. Ambos vestem chapéu de caubói de abas longas, camisas xadrez com as mangas dobradas até a altura dos cotovelos, coletes sertanejos, cintos de fivelas grandes, ovaladas e douradas prendendo calças jeans claras e apertadas, terminando em um par de botas de caubói de bico fino. O que diferencia os trajes dos personagens é que o da esquerda tem chapéu, colete, cinto e botas na cor marrom, enquanto o da direita tem as mesmas peças na cor preta. E a base do xadrez da camisa do homem à esquerda é verde, enquanto o da direita é vermelha. Do lado esquerdo, foto de Claudio Assad creditado como a voz de Agro Boy, e à direita, foto de Jadson Moura creditado como a voz de Capial Kid.

TRILHA SONORA DO EPISÓDIO

 

  1. Fight!, de Kenji Yamamoto
  2. Small Disruption, de Junkie XL
  3. Twelve Bullets, de Junkie XL
  4. Cerebro, de Henry Jackman
  5. Drink Up Me Hearties, de Hans Zimmer
  6. Dubliners, de Barney McKenna
  7. Blue Jacket, de Blanket Barricade WK Music Productions
  8. Get a Pump, de Steven Jablonsky
  9. Pieces Form the Whole, de Trent Reznor & Atticus Ross
  10. An 1815 Napoleonic Brandy, de Henry Jackman & Matthew Margeson
 “Sentinelas” são propriedade intelectual da ProZe Consultoria Criativa. A produção deste áudiodrama não tem fins lucrativos e contou com voluntariado de todas as vozes envolvidas. Todos os direitos reservados a Vitor Hugo Mota.
  • Claus Tessmann

    Só esperando para quando o Urubu e o Gatilho, lá da segunda temporada, retornarem. Nem que eles só “apareçam no fundo” de alguma ação maior ou só citados.

    De novo gostei do pós créditos. Adorei o Ananias. Fiquei intrigado com o desfecho do Dr. Jarbas, ainda não sei se gostei ou não.

    • Olá, assíduo Claus (na verdade, o único assíduo mesmo).

      O senhor tem um bom feeling, pois realmente não será a última vez que veremos o Urubu (e nem foi na segunda temporada que prestigiamos o Gatilho unicamente). E saiba que tanto os votos do Nervoso quanto do Tori-Jin não foram levianos.

      Ananias Guinle é um personagem que veio não apenas dar mais representatividade ao povo nordestino, como também mostrar que um anão é muito mais do que um alvo fácil de bullying de pessoas covardes. São pessoas tão eficientes e brilhantes quanto qualquer outra.

      Sobre o desfecho do Dr. Jarbas, devemos lembrar que até o fim da Parte 1 ele estava com morte cerebral diagnosticada, mas com a chegada de 80% de sua atividade cerebral à sua ala, as coisas mudaram bastante. Fragmentos de um todo se unem e se reorganizam para que o propósito de sua raiz seja reestruturado. Será que os 20% de Jarbas preenchem o vazio outrora ocupado pelos comandos de Agro Boy?

      Nesse capítulo acredito que o Capitão Falcão não o tenha feito ficar tão enervado, não é? Pelo menos não tanto como o Tori-Jin ficou com os fiéis gaviões…

      • Claus Tessmann

        Quanto menos falas ele tem, menos Nervoso eu fico. Espero que ele amadureça em algum momento no futuro (ou substituir pelo Primo que achei muito mais carismático e não fala).

        • Para o arco do Capitão Falcão é necessário que ele te cause exatamente este tipo de impacto: o incômodo. Assim, você poderá refletir sobre os motivos dele ser tão irritante.

          Quanto ao Primo, ele é o elemento reativo ao absurdo que presencia diariamente. E ele não falar pode ser o maior poder que uma pessoa pode ter: a incapacidade de gerar informações sobre si.