AGÊNCIA TRANSMÍDIA # 60 – EVENT HELLRAISER, O SERIADO

Le Marchand foi um artífice francês que moldou, ao longo de seus 80 anos, centenas de instrumentos de invocação de Leviatã escondidos em BRINQUEDOS. O mais famoso foi a Configuração do Lamento da Caixa de Le Marchand, que foi usada para que Pinhead e os seus confrades CENOBITAS acessassem o nosso mundo para atender os desejos de prazer de incautos e desavisados humanos. Porém, o conceito de DOR e PRAZER se misturam na interação cenobita e muitos se tornam, literalmente, desencarnados hedonistas que experimentam uma eternidade de sofrimento fetichista e masoquista. Porém, alguém que conheceu as propriedades únicas dos objetos de Le Marchand se apropriou de um destes instrumentos e estudou sua física peculiar para explorar algo além das promessas de sofrimento sádico: um instrumento que possua a Configuração do Lamento nada mais é do que uma chave extra planar e interdimensional, podendo ser usada como um formador de BURACOS DE MINHOCA. Seu nome: Dr. William Weir. O objeto: A Esfera Lovecraftiana. O produto: O Motor de Dobra. Sua localização: Event Horizon. Sua influência: Dead Space, Star Trek, Doom, … Dos mesmos consultores de LIGUE OS PONTOS  e CÃES DE TÍNDALOS, decifre o enigma e experimente as revelações além do horizonte… se tiver coragem! Um oferecimento, Agência TransMídia.

 

Equipe:

Vitor Hugo Mota – Deptº de Criação

Carlos Relva – Deptº de Fontes e Pesquisa

Paulo Elache – Deptº de Tecnologia e Desenvolvimento

Peça:

EVENT HELLRAISER

Veículo de Mídia:

Seriado (Live Action)

PÔSTER ALTERNATIVO

SETLIST

  1. The Hive Mind – Jason Graves
  2. Dead Space Theme – Jason Graves
  3. Welcome Aboard the U.S.G. Ishimura – Jason Graves
  4. The Necromorphs Attack – Jason Graves
  5. Fly Me to the Aegis Seven Moon – Jason Graves
  6. Nicole’s Farewell – Jason Graves
  7. I’ve Got You Devolving Under My Skin – Jason Graves
  8. The Leviathan – Jason Graves
  9. Entering Zero-G – Jason Graves
  10. Cyanide Systems Offline – Jason Graves
  11. Manual Survival Mode Seven – Jason Graves
  12. First Person Shooter – Clint Mansell
A Agência TransMidia é um exercício criativo. Trata-se de uma simulação de ambiente de trabalho onde nossos participantes são podcasters interpretando suas versões de cliente/consultores de mídia. Não há contato direto com nenhuma das empresas citadas. “HELLRAISER” e todos os personagens relacionados são criações de Clive Barker. “EVENT HORIZON” e todos os personagens relacionados são de propriedade da Paramount Pictures. Todos os direitos reservados. Divirta-se.
  • AzBats

    Me deixaram curioso para ouvir a re-imaginação de Hellraiser juntando H.P. Lovecraft, o filme Enigma do Horizonte (talvez, juntamente do primeiro Resident Evil, o melhor filme de Paul W.S. Anderson) e o game Dead Space. Obrigado e boa noite.

    • Primeiramente, agradecemos a sua visita ao nosso local de trabalho. Por favor, aprecie o material apresentado, que procurou ser o mais referencial e fiel possível a todas as obras citadas ao longo do brainstorm. Após isto, retorne para tomar um café e conversarmos sobre suas considerações do produto.

      Att

  • AzBats

    Gostei bastante do episódio, a “amarrada” entre Event Horizon e Star Trek Discovery, com o capitão Lorca de Discovery sendo o capitão DJ da Event Horizon atuando como viajante do tempo, a caixa Lemarchand/Configuração dos Lamentos sendo o dispositivo responsável pelo motores de dobra do universo de Star Trek, uso da milícia corporativa do filme Doom. A questão da dimensão infernal de Hellraizer e o espaço de dobra/salto de Event Horizon/Star Trek serem a mesma coisa. Enfim, foi um episódio muito criativo, Gostei de ouvir e ouvi novamente. Parabéns pelo episódio.
    P.S. Segundo o site de filmes de terror “Boca do Inferno”, Clive Barker criador de Hellraiser, atuou como consultor durante a pré-produção do filme Evente Horizon. Isso explica muita coisa…

    • Saber que na pré-produção o Sr. Barker esteve envolvido realmente explica muita coisa. As similaridades hedonistas são muito gritantes – literalmente.

      Ficamos felizes que nossa sopa de referências tenha agradado o senhor e que isso o tenha estimulado a apreciar o produto mais de uma vez. Esperamos manter este nível de engajamento de ti em outros trabalhos.

      Att

    • Saber que na pré-produção o Sr. Barker esteve envolvido realmente explica muita coisa. As similaridades hedonistas são muito gritantes – literalmente.

      Ficamos felizes que nossa sopa de referências tenha agradado o senhor e que isso o tenha estimulado a apreciar o produto mais de uma vez. Esperamos manter este nível de engajamento de ti em outros trabalhos.

  • thiago dutra

    Excelente, muito bem mesmo.

  • Ótimo trabalho. Conseguiram utilizar elementos importantes da franquia Hellraiser, mesmo que nem todos os filmes sejam bons. Merecem elogios pela pesquisa demonstrada nessa reunião.

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)